domingo, 28 de setembro de 2008

Noite do terror para a Ferrari

Ficar vermelha de vergonha é muito pouco para o papelão da Ferrari no GP de Cingapura deste domingo. Com a patacoada cometida no pit-stop de Felipe Massa, que arruinou as chances de vitória do brasileiro, e a estúpida batida de Kimi Raikkonen nas últimas voltas do GP, o time italiano completou a etapa sem um mísero ponto.

Um desfecho negativo que não acontecia desde o GP da Austrália de 2006, quando Michael Schumacher e Massa não completaram a prova e obviamente ficaram sem pontuar. Desde então, foram 46 corridas finalizadas com pelo menos um dos pilotos ferraristas na zona de pontuação. Do GP de San Marino de 2006 ao GP da Itália de 2008.

A série que chegou ao fim hoje foi a segunda maior da história, perdendo apenas para outra pertencente à própria Ferrari, que anotou tentos por 55 etapas seguidas entre as etapas da Malásia de 1999 e Malásia 2003.

Uma noite para atormentar a cabeça do grupo vermelho pelas próximas semanas.

2 comentários:

Gil disse...

O Dia das Bruxas chegou mais cedo esse ano na Ferrari!

Elaine Cruz disse...

Oi Le!
Parabéns pelo Blog!!

Agora, essa Ferrari... Assim que o Massa saiu com a mangueira grudada em seu carro e mais de cinco mecânicos não foram suficientes para tirá-la, desliguei a televisão como forma de protesto!!

Preferi ouvir no rádio... Até mais emocinante... =P

Bjos
Elaine Cruz