segunda-feira, 28 de abril de 2008

Parada longa

Um detalhe que passou batido durante o GP da Espanha deste domingo foi a demora do segundo pit-stop de Kimi Raikkonen, muito provavelmente por uma falha no mecanismo inventado pela Ferrari para extinguir o tradicional “pirulito” de orientação aos pilotos.

O tempo gasto pelo finlandês em sua última parada foi de 55s187, 1s599 a mais do que a troca de pneus e reabastecimento de Felipe Massa, que totalizou 53s588 nos boxes.

Vacilo da equipe ou uma tentativa disfarçada de reverter as posições da corrida? Por mais absurdo que possa ser a pergunta, temos de admitir que muita gente no Brasil pensaria assim caso o imprevisto fosse com o carro de número 2.

Certamente, o assunto hoje seria de que Massa é o segundo piloto, Raikkonen o cara protegido e por aí vai...

2 comentários:

TheOvniBoss disse...

Eu acho que atrasou porque no momento da saida dele estava entrando um carro nos boxes.

marcelo costa disse...

Tem corrida que o Xatão Bueno diz que a Ferrari GOSTA MAIS quando o Felipe Massa vence na Ferrari, que a equipe tem um enorme carinho com ele...e blá blá blá(so fala quando vence também).

Mas quando o brasileiro perde a posição para o Kimi...PRONTO COMEÇOU! "Será que a equipe não mudou a estratégia e jogou o Felipe para trás..." Engraçado quando acontece isso do Raikkonen ter problemas aí ninguém fala nada de favorecimento ao Massa!

E um detalhe ate hoje nunca o Felipe disse ter um suposto favorecimento dentro da equipe, se não fosse o erro da Malásia ele tava "colado" no Kimi 26 X 29 pontos.

Esse ano não tem desculpas por causa da equipe ou azar, se Massa perder o título o problema esta nele, no entanto se chegar a frente das Mclarens seu emprego estará garantido.

abraços