sábado, 27 de setembro de 2008

Um astro que se foi

Uma das doenças mais cruéis encerrou a vida do ator, chefe de equipe e ex-piloto Paul Newman. Morreu neste sábado aos 83 anos, três meses após o diagnóstico de que estava com um câncer no pulmão.

Para homenageá-lo, nada melhor do que uma imagem de seus dias gloriosos. Neste retrato em específico, como dono de equipe da Newman-Haas, na F-Indy. Mas poderíamos buscar seu semblante de felicidade em suas fotografias como piloto ou também nas películas do cinema.

Para aqueles que não o conheceram, uma boa dica para o fim de semana é o filme “Winning”, traduzido no Brasil como 500 Milhas. Vale a pena conferir.

Um comentário:

Gil disse...

Outras boas dicas deste fantástico ator e apaixonado pelo mundo do automobilismo são: O Indomável, Gata em Teto de Zinco Quente, Butch Cassidy and the Sundance Kid, Estrada para Perdição...