segunda-feira, 30 de março de 2009

O inglês 22

FOTO: MONTAGEM/DIVULGAÇÃO
Assim como em 2008, a temporada deste ano começou com a vitória e pole position de um piloto inglês, a bordo de um carro empurrado por motor Mercedes e com o número 22 estampado na carenagem do monoposto.

Uma coincidência que ficará restrita à corrida de Melbourne ou se estenderá até o fim do campeonato, resultando em conquista de título? Para os apreciadores de estatísticas, vale lembrar a fama do GP da Austrália de ter seu vencedor como o campeão do ano.

Só neste novo milênio, apenas dois pilotos da corrida australiana não finalizaram o Mundial com o caneco. Dá para apostar em Jenson Button?

2 comentários:

Bruno Santos disse...

Realmente não tinha me atentado para o detalhe da numeração, interessante.
Mas prefito não me apegar a essas coincidências. Vamos ver como está o cofre da Brawn para evoluir o carro ao longo da temporada. Nesse momento, está sobrando em comparação aos outros times.

Primeiro vez que visito o blog, sei como é difícil manter atualizado, mas está de parabéns. Vou adicionar na minha lista de visitas obrigatórias.
Abraço.

www.f1database.blogspot.com

TheOvniBoss disse...

Nada mudou!! rubinho com o melhor carro... Chegou em? Segundo!!! tudo como era antes na F1